amor

Braz news

BRICKS´TIME

BRICS TIME

29.4.15

DILMA VAI RENUNCIAR?

Renúncia (e não o impeachment) de Dilma já é tratado como muito provável nos bastidores de Brasília


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Pedido de impeachment na quarta-feira? Nada disto! O novo desejo que circula nos bastidores políticos em Brasília é bem mais objetivo e fácil. Pede-se a renúncia de Dilma Rousseff. A Presidenta que terceirizou sua função política perdeu inteiramente a sustentação. Está por um fio de navalha. Prova disto é uma "brizolista, trabalhista histórica, filiada à seita Partido dos Trabalhadores" desistir de fazer o tradicional pronunciamento da rádio e televisão exatamente no Dia do Trabalho. Renunciar ao Primeiro de Maio é um prenúncio aberto para a renúncia formal, arranjando-se alguma desculpa esfarrapada.

Desde que Dilma Rousseff assumiu em 2011, será a primeira vez que a Presidenta não usará a cadeia (nacional) para a costumeira marketagem do governo, fazendo média com os "trabalhadores do Brasil". A Coordenação Política do Palácio do Planalto (será que ela existe de verdade?) resolveu "inovar". A estrela decadente de Dilma brilhará apenas nas redes sociais. Curioso que este é exatamente o espaço virtual em que ela mais apanha de verdade. A atitude defensiva da turma de Dilma pegou tão mal que pode até ser mudada... Em cima da hora, ela pode acabar usando o espaço em rede nacional rádiotelevisiva... O risco de vaia, xingamento e panelaço é altíssimo.  

O ministro da Comunicação Social, Edinho Silva negou ontem que Dilma tenha desistido de falar por medo de protestos como o “panelaço” já programado: "Não, não é isso. A presidente vai dialogar com trabalhadores e trabalhadoras pelas redes sociais. Não vai haver pronunciamento em cadeia de rádio e televisão. Foi uma decisão de valorizar outros modais de comunicação. Ela valoriza as rádios, ela valoriza a comunicação impressa, a televisão. Ela resolveu, desta vez, valorizar as redes sociais. A presidente não teme nenhuma forma de manifestação oriunda da democracia. Foi decisão coletiva e unânime da coordenação que deveria dialogar pelas redes sociais".

O tempo está fechadíssimo para o desgoverno. Até se Dilma, "pordesventura", sofrer um "impedimento" ou "renunciar" (coisas que ainda, sinceramente, não passam pela cabeça dela), o seu vice não tem condições de governabilidade e popularidade. Prova disso foi que ontem, na abertura do Agrishow 2015, em Ribeirão Preto (SP), Michel Temer e a ministra Kátia Abreu (Agricultura) experimentaram a ira de 80 manifestantes. Temer cancelou o discurso que faria. Também desistiu de dar entrevista coletiva no maior evento do agronegócio - ao qual sempre compareceram Lula da Silva e Dilma Rousseff em anos anteriores menos tensos.

A ausência deles, e os protestos que fizeram Temer temer vaias, foram provas concretas de que a Vaca Tossiu e foi para o brejo junto com Vaccari (o tesoureiro petista) - que ontem foi indiciado por lavagem de dinheiro, na Lava Jato, junto com o nada nobre Renato Duque (ex-diretor de Serviços da Petrobras). Se os escândalos chegaram a Luiz Inácio Lula da Silva, conforme ameaçam diretores da empreiteira OAS doidos por uma delação premiada, Dilma perde completamente a sustentação. 

O executivo Leo Pinheiro, cansado da prisão, tem audiência com o juiz Sérgio Moro, agendada para o dia 7 de maio, quando pode vomitar tudo sobre as relações político-financeiras entre a empreiteira baiana e a família Lula da Silva... E o mensaleiro fugitivo Henrique Pizzolato tem prazo para voltar ao Brasil até 11 de maio, extraditado da Itália, com pinta de que tem muito a delatar também...

Depois disso, tudo pode acontecer na grave crise institucional brasileira... O triste é que, enquanto nada se resolve de concreto, para melhor ou para pior, a situação econômica do País vai se deteriorando... Cenário perfeito para a Oligarquia Financeira Transnacional, que está comprando tudo por aqui, a preço de banana, continuar a secular exploração do Brasil que não tem vergonha na cara, nem Elite Moral com poder efetivo de ação e reação.

Petralhada marcará gol contra?


Suspendida...

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal, mandou suspender a ação penal que tramita na justiça federal paulista contra o coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra - acusado pelo sequestro e cárcere privado de Edgar de Aquino Duarte, ex-fuzileiro naval, durante a tal "dita-dura" militar.

Na decisão, Rosa Weber destacou que está pendente de julgamento no STF o ponto questionado na ação que envolve Ustra: Se o crime de sequestro, quando o desaparecido não é localizado, pode ser abrangido ou não pela Lei da Anistia de 1979:

“As decisões a serem exaradas nas ADPFs repercutirão diretamente no deslinde da ação penal de origem, pois possuem eficácia contra todos e efeito vinculante”.

Em 2010, por sete votos a dois, o STF se posicionou de forma contrária à revisão da Lei da Anistia.

Detonados

 
Mais delações vêm por aí em Curitiba...

Casamento perfeito

Com amigos assim, Dilma dispensa inimigos...

Feira livre

Com uma classe política assim, País é inviável

Colabore com o Alerta Total

Neste momento em que estruturamos mudanças para melhor no Alerta Total, que coincide com uma brutal crise econômica, reforçamos os pedidos de ajuda financeira para a sobrevivência e avanço do projeto.

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente conosco poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil. Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

II) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

III) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

No comments:

Post a Comment